en fr

Elenco

Olivia Corsini

Olivia Corsini nasceu na Itália, na cidade de Módena, em 1979. Formou-se na Academia de Artes Dramáticas de Milão “Paolo Grassi” e estudou com artistas como Tina Nilsen (Odin Teatret), Julie Anne Stanzak (Tanztheater Wuppertal Pina Bausch), Kim Duk Soo (Samul Nori school, Coreia do Sul), Carolyn Carlson e Emma Dante, entre outros.

Depois de dois anos com a companhia internacional Teatro de los Sentidos, do colombiano Enrique Vargas, Olivia foi à França trabalhar no Théâtre du Soleil, a consagrada companhia de Ariane Mnouchkine. Em 2002, fez importantes papéis em criações coletivas: O Último Caravançarai, Os Efêmeros e Os Náufragos da Louca Esperança. Desde 2012, trabalha com o coletivo internacional If Human, de Bruxelas (Bélgica).

Serge Nicolaï

Serge Nicolaï nasceu na França, na cidade de Marselha, em 1967 e estudo em várias escolas dramáticas em Paris e Cracóvia (Polônia). Além de ator, Serge é também cenógrafo, diretor de filmes e diretor teatral. Obteve seu primeiro prêmio de cenografia pela peça O Último Caravançarai. Desde 1997, colabora com Ariane Mnouchkine na companhia Théâtre du Soleil. Trabalha também na televisão francesa e em produções de cinema.

Petra Costa

PETRA COSTA (Diretora) estreou no IDFA o seu primeiro longa-metragem, ELENA (2012), que ganhou diversos prêmios em festivais ao redor do mundo. Foi o documentário mais assistido no Brasil em 2013 e no ano seguinte teve um grande lançamento nos Estados Unidos. Com produção executiva de Fernando Meirelles e Tim Robbins, ELENA é uma mistura de sonho febril e thriller psicológico. Conta a história de duas irmãs – enquanto uma busca pela outra, a distinção entre suas identidades começa a nublar. O filme foi caracterizado como um “sonho cinematográfico” pelo New York Times, “espantoso e inesquecível” pelo Hollywood Reporter, e definido pela Indiewire como uma “estreia magistral que leva a não-ficção aonde ela raramente vai – longe do seu confortável acento nos fatos, adentrando um universo de possibilidades expressionistas”.

Lea Glob

Lea Glob graduou-se na Escola Nacional de Cinema da Dinamarca em 2011 com o aclamado curta-metragem MEETING MY FATHER KASPER HØJAT, uma interpretação autobiográfica do encontro da diretora com o pai, que ela perdeu muito tempo antes. O filme é quase uma investigação arqueológica da identidade do pai através da imaginação da diretora, em que ela percorre as caixas de objetos deixadas no rastro de seu pai. Entre outras premiações, o filme foi indicado ao Prêmio Nacional de Cinema Dinamarquês e ao Prêmio Robert, e recebeu um Panda de Ouro de documentário mais inovador no Festival Chinês Shiuan TV.